sexta-feira, 31 de outubro de 2008

Vaca sagrada

“Para mim o mais importante foi a forma de contar a história, em que o mundo apresentado não era coerente em termos de causa e efeito. Era antes um acontecimento massivamente complexo e simultâneo, com ligações feitas de coincidências e sincronismo; e penso que foi essa visão do mundo que mais provocou ressonância num público que percebeu que a sua visão anterior do mundo não era adequada às complexidades do novo e assustador mundo sombrio em que entravamos.
Se Watchmen promoveu alguma coisa, foi uma nova capacidade de percebermos o mundo à nossa volta e as interações e relações de pessoas nesse ambiente”.
Alan Moore, sobre Watchmen, em The Mindscape of Alan Moore.

Watchmen nunca esteve tão pop. Não sei se o trailer do filme já está passando em algum cinema brasileiro, mas certa vez mostrei pro Antônio e ele praticamente pirou. Quis ler em seguida, emprestei o meu exemplar da edição encadernada americana, uma brochura de 400 páginas que ele leu freneticamente em dois ou três dias, deixando inclusive de estudar pra provas de final de semestre. Depois virou fã de quadrinhos e, nas duas vezes que passamos por São Paulo, deixou uma pequena fortuna na Comix não só em quadrinhos do Alan Moore, mas quadrinhos em geral. A poucas semanas, mostrei o trailer pro Marcelo, colega aqui do trabalho. Exatamente o mesmo efeito. Emprestei minha edição, que ele está lendo ao ritmo de um capítulo por dia, com pausas para rever o trailer de tempos em tempos. Deve ser o melhor trailer da história, ou ao menos, um dos mais persuasivos. Agora que a Panini finalmente anunciou a edição em português pra março, não consigo deixar de me empolgar com a idéia de ver Watchmen entrando numa lista de mais vendidos da semana da Veja, ou coisa que o valha.

Por sinal, amanhã eu e o Gui daremos a tão esperada (ao menos, nos pareceu, da parte dos alunos) aula analisando a carreira do Alan Moore. Pretendo passar o trailer em aula. Espero converter mais alguns leitores ao final.

Por sinal, o tal trailer pode ser visto aqui.

3 comentários:

Fábio disse...

Samir, prepare o coração (e o bolso) porque no ano que vem, junto com o filme, a Panini vai lançar aqui o ABSOLUTE WATCHMEN, com extras e depoimentos de Alan Moore e Dave Gibbons. ;-)

Samir Machado de Machado disse...

Fiquei sabendo. Estou imaginando o PREÇO que vai ser essa belezinha. E tem ainda o Watching the Watchmen que saiu a pouco e parece ser muito bom. Vou preparar uma poupança-Alan Moore pra dar conta disso tudo.

ZeBorba disse...

E aí, Samir.
Acho que não foi preciso converter ninguém na aula com os trailers de Watchmen. Todo mundo já tava convertido hehe

Abraço,
Z'

AddThis