sábado, 14 de novembro de 2009

O professor indicado

Notícia que animou minha manhã de sábado: saiu a lista de indicados ao Prêmio Açorianos de Literatura 2009, promovido pela Prefeitura de Porto Alegre. E meu livro de estréia, O Professor de Botânica, foi indicado na categoria Melhor Narrativa Longa, onde concorre com Uma leve simetria, de Rafael Bán Jacobsen (também publicado pela Não Editora) e A Parede no Escuro, de Altair Martins (que conheci pessoalmente ontem, no lançamento do Desacordo Ortográfico).

Como se isso não fosse o bastante, também concorro em outras duas categorias: melhor projeto gráfico, por Ficção de Polpa, vol. 3, e melhor capa, com Raiva nos Raios de Sol, de Fernando Mantelli. O que fez de mim campeão de indicações dessa edição do prêmio, e a Não Editora, a editora com maior número de indicações.

7 comentários:

Fabio Fernandes disse...

Parabéns! Indicações mais que merecidas! Estou na torcida!

luizgusmao disse...

parabéns, samir! e sucesso na competição.

Samir Machado disse...

Fábio e Luiz: obrigado pela torcida! Eu tenho bem a noção de ter muito pouca (quase nenhuma) chance de vencer como melhor livro, competindo com dois escritores geniais como o Altair Martins e o Jacobsen, mas só a indicação já foi ótima!

rafaela perazzolo disse...

parabéns!
:D
que ótima notíciaaa!
beijos!

Gloria disse...

Parabens Samir!!!!! Estou na torcida!!!!Beijos

Luiz Pires disse...

pa-ra-béns.
mais que merecido.
Li o professor e estarei na torcida!

Anônimo disse...

Estaremos na típlice torcida também!!! Parabéns!!!

Daniel, tia Morga e primo Davi

AddThis